Vejam no Coisinhas da chica!

Vejam no Coisinhas da chica!
Basta clicar!

Lá no chica escreve tem...

Lá no chica escreve tem...
Basta clicar!

♥ Banco... ♥






Banco que tudo vê
banco ali quietinho
espera nele acolher
passantes do caminho...

Quantos bancos pela vida há
em tantos outros,nunca sentamos
há de atenção neles prestar
pois neles nos recuperamos...

Cada banco é um amigo
que pela vida encontramos
no silêncio,serve de abrigo
para todos passos que damos.
chica


* Foto Chica no JBotânico Poa

16 comentários:

  1. Bom dia CHICA...passeando pelos teus blogs, deparei com este banco, do BOTÂNICO DE POA...pois tenho uma foto assim, dum banco deste lugar que esta ilustrando uma página do meu livro HAIKAIS ....
    bela poesia...bjo
    heloisa crosio

    ResponderExcluir
  2. Chica,vc adora bancos de jardim e eu tb!Nada como sentar em um pra tudo: refletir,bater papo,olhar a natureza,tomar um suco....rsss...uma linda poesia!bjs,

    ResponderExcluir
  3. Meu bem e eu sempre vamos a praça e é num banco que nos sentamos para admirar a natureza e ouvir a cantoria dos pássaros e temos até um predileto que nos dá uma visão ampla da praça...rsrsr...amei seu poema...um abraço querida amiga e tudo de bom sempre.

    ResponderExcluir
  4. Ohhhhh...se eles falassem!!!

    Adorei a tua poesia. Retratas na perfeição a "vido" de um banco.

    Bela foto!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Ah que poesia mais fofa!
    Adoro bancos de praça, acho romântico por demais.

    Já namorei, já sentei com meus filhos, com amigos, enfim já desfrutei muito de muitos bancos.

    ADORO!!

    Beijos Chica querida.

    ResponderExcluir
  6. Ah, que bonito, chica. Quem diria que um simples banco poderia render um poema tão bonito. Bjs

    ResponderExcluir
  7. Olá amiga Chica!

    Os nossos amigos são os nossos apoios.

    Obrigada pelo carinho.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Olá Chica!
    Que bom é encontrar um banco quando vamos passear... como é delicioso sentarmo-nos ao fim de uma longa caminhada... é como encontrar um amigo! Bom fim-de-semana.
    M. Emília

    ResponderExcluir
  9. Oi Chica!
    Ai que lindo ficou! Um banco nestes espaços são bem convidativos e sugerem tanto,não?
    beijinhos e um lindo fds!

    ResponderExcluir
  10. Sempre tudo tão bom nos seus imensos blogues. Não sei
    como a Chica consegue tempo já que sabedoria e bom
    gosto não lhe falta.
    Beijinhos
    Irene Alves

    ResponderExcluir
  11. Igual ao meu banquinho embaixo do meu pé de limão rs bjo Joaninha!

    ResponderExcluir
  12. Chica, seu poema me fez pensar que nesse momento estou sentada num banco, descansando, guardando energias pra seguir em frente. Apreciar a paisagem sempre faz bem. Um abraço!

    ResponderExcluir
  13. Lindo poema, Amiga!
    E em cada banco podemos descansar, pensar e ganhar forças para continuar como diz a amiga no comentário acima.
    Um beijinho.

    ResponderExcluir
  14. Oi doce Chica,

    Tudo bem, com você?
    Regressei, hoje. Estava cheia de saudades.

    Li seu bonito e real poema e, de facto, um banco é como a sombra de uma árvore. Nos protege, nos ampara e nos dá guarida.
    São pequeninos aconchegos para o coração.

    Bom Domingo e excelente semana.
    Beijos da Luz, com carinho.

    ResponderExcluir
  15. Querida,
    Fiz um selinho com todo carinho pra você! Vai pegar lá!
    Está no final da primeira postagem.
    Bjos no coração...

    ResponderExcluir
  16. Oi Chica,
    Este banquinho aí debaixo desta árvore está convidativo. Realmente se eles falassem teriam muitas histórias pra contar
    de quando seus passantes ficam ali a pensar, pensar nas alegrias, nas tristezas ou simplesmente pra descansar.
    Lindo demais. Amei. bjs

    ResponderExcluir

Obrigado por vir me ver aqui também...