Podem ouvir e recordar...

Podem ouvir e recordar...
Foi lido lá em Portugal!

Mais um texto daqui, foi lido lá na RÁDIO SIM,de Portugal

Ouçam AQUI

Vejam no Coisinhas da chica!

Vejam no Coisinhas da chica!
Basta clicar!

Lá no chica escreve tem...

Lá no chica escreve tem...
Basta clicar!

♥ Na praia...



Na praia da alegria
tudo tem o seu lugar...

Há gordos, "rechonchas" e bem bolachudos
há ossinhos a passear,sem esquecer dos barbudos...

Cangas, sungas em cores se apresentam
biquinis, fio dental, polpas que sempre aumentam...


O bom é que nesses desfiles a passar
ninguém se importa com que o outro está a mostrar...

É a democracia de uma praia não badalada
que por isso a  faz ficar tão mais animada!

Corpos vão, outros voltam com alegria
ali, na praia, todos querem apenas, aproveitar o dia!






8 comentários:

  1. Oi, Chica! Adorei seu poema, traduzindo com perfeição a beleza da praia de verdade, aquela que faz a alegria do povo com simplicidade! Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. Chica, a praia é boa porque é democrática. Todos se apresentam da maneira que são sem culpa.
    Excelente observação de sua parte.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. O sol nasceu para todos né Chica, gordinhos e ossinhos, kkkkkkk

    ResponderExcluir
  4. Chica que delícia estarna praia,meu bem e eu adoramos e sempre que podemos estamos indo para lá mergulhar.
    Lindo poema,espirituoso....adorei!!!
    Aproveite as férias minha linda.
    beijinhos.

    ResponderExcluir
  5. sou gordura 0 quando vou a praia. rs

    beijo

    ResponderExcluir
  6. Isso é que é legal na praia!Ficar a vontade, sem frescura,não importa o jeito de cada um!Aproveite bem,Chica!bjs,

    ResponderExcluir
  7. Chica
    O bom da praia é essa liberdade e o interessante é que ricos e pobres, gordos e magros tem o mesmo objetivo: relaxar e ser feliz!

    Chica e o Neno como está? Espero que esteja bem para aproveitar no máximo as férias na praia.

    um grande abraço

    ResponderExcluir
  8. É o lugar mais democrático e sem preconceito que há (penso eu).
    Dê um oi ao mar, amiga, por mim.
    Beijocas!

    ResponderExcluir

Obrigado por vir me ver aqui também...